Dr. Jô Furlan

Conheça mais sobre a Vitamina B1

 A vitamina B1, também conhecida como tiamina, desempenha papéis fundamentais no metabolismo energético e no funcionamento normal do sistema nervoso, coração e músculos. Aqui estão detalhes sobre a importância médica da vitamina B1, suas fontes naturais e os sintomas relacionados à sua deficiência e excesso:

Importância da Vitamina B1

  1. Metabolismo Energético: A tiamina é essencial para a conversão de carboidratos em energia, sendo crucial para o metabolismo da glicose.
  2. Função Nervosa: Ajuda na condução de impulsos nervosos, essencial para a manutenção das funções do sistema nervoso.
  3. Saúde Cardiovascular: A vitamina B1 tem um papel no fortalecimento do músculo cardíaco e na manutenção de um sistema cardiovascular saudável.

Fontes Naturais

  • Carnes: Principalmente porco e órgãos como fígado e rim.
  • Cereais Integrais: Arroz integral, germe de trigo, aveia.
  • Leguminosas: Feijões, lentilhas e ervilhas.
  • Nozes e Sementes: Incluindo sementes de girassol e nozes.
  • Outros: Levedura de cerveja e alguns vegetais como espinafre e couve.

Sintomas de Deficiência

  • Beribéri: A deficiência severa de tiamina pode levar ao beribéri, que se manifesta em duas formas principais:
    • Beribéri Seco: Afeta o sistema nervoso, causando sintomas como fraqueza, dor nos membros, problemas de coordenação e eventualmente paralisia.
    • Beribéri Úmido: Impacta o sistema cardiovascular, levando a sintomas como batimentos cardíacos rápidos, aumento do coração, e em casos graves, insuficiência cardíaca.
  • Síndrome de Wernicke-Korsakoff: Mais comum em alcoólatras crônicos, esta síndrome é uma forma grave de deficiência de tiamina que afeta o cérebro, causando confusão severa, perda de coordenação muscular e problemas de memória irreversíveis.

Sintomas de Excesso

A tiamina é considerada bastante segura e não tóxica. O corpo excreta facilmente o excesso de vitamina B1 através da urina. Não há casos conhecidos de toxicidade causada pelo consumo excessivo de tiamina proveniente de fontes alimentares ou suplementos em doses normais.

Recomendações Médicas

Embora a toxicidade seja rara, a ingestão adequada de tiamina é vital, especialmente em populações em risco de deficiência, como pessoas com dependência de álcool e aqueles com má absorção intestinal. A suplementação pode ser necessária em alguns casos clínicos, mas sempre deve ser feita sob orientação médica. A quantidade recomendada de tiamina varia de acordo com idade, sexo e condições de saúde.

 

Dr. Jô Furlan
Médico com mais de 30 anos de experiência profissional, neurocientista, nutrólogo, professor, pesquisador, escritor e empresário brasileiro.Conferencista Internacional com palestras, cursos e treinamentos ministrados por todo o país nos últimos 23 anos, atendendo algumas das maiores corporações do Brasil nas mais diversas áreas comportamentais.

Deixe um comentário